quarta-feira, 13 de dezembro de 2006

O meu Cupido


O meu Cupido tem um problema... Falta de pontaria... Problema grave para quem é Cupido e o meu, coitado, anda triste e cabisbaixo!
Pede-me desculpas a toda a hora e eu, que o vejo assim tão triste... desculpo, pois claro! Pobre Cupido!
Quase sempre acerta a primeira, mas a segunda seta... coitadinho... Vai sempre mal disparada! A maior parte das vezes voa a perder de vista e desaparece! Nunca mais se encontra! Outras vezes acerta em outras gentes e é uma confusão até o meu Cupido conseguir arrancar de lá a seta! Há vezes ainda em que é ele, desastrado, que cai dos telhados e das árvores onde se esconde para a disparar! Chega-me sujo e dormente da queda e sou eu que o limpo e o encorajo a tentar de novo! "Um dia hás-de acertar" - digo-lhe!
Em mim acerta sempre... Eu ajudo, pobrezinho! Já sei deste problema e lá me ponho à frente dele...Não há como errar... A outra é que ele não consegue acertar! Às vezes erra o alvo, outras voa-lhe a seta para longe... Acertar é que não acerta!
"Um dia hás-de acertar" - digo-lhe sempre...

8 comentários:

duck disse...

Saudações...

Para sempre apaixonada(o)! Assim todo o mundo deve viver! Apaixonada(o) por tudo e por todos...
Deixa o cupido mandar todas as setas que ele necessitar, a prática anda de mãos dadas com o caminho para a perfeição, um dia ele vai acertar em cheio no alvo, vais ver...entretanto, vai-lhe dando uma ajudinha, apoia-o, porque todos precisamos disso, de apoio... :)


Jah bless...

_\|/_

Tânia Pereira disse...

Amei a ideia do texto e a sua concretização. Gostei mesmo! Boa! Devíamos era, se calhar, fundar uma associção de tiro ao alvo onde os nossos cupidos pudessem ir todos treinar. Parece-me mal genético e a atingir muitos meninos de arco e flecha...

Anónimo disse...

Bem menina gosto muito do que escreves... continua! :)
Mil beijocas deste amigo que não te esquece!

Samuel

Luisa Fonseca disse...

Será que herdaste o meu cupido?Se assim foi, agora ele já deve estar velho e com falta de vista. Se é o mesmo, ele sempre teve a mania de atirar setas para bem longe uma da outra. Quando era novo acertava à primeira, mas agora, se não perdeu a mania, torna-se difícil tal proeza. Mas não desanimes , deve estar à beira da reforma e quando for substituído, por um novinho em folha, vais ver, é logo à primeira.
Força. Afinal o importante é amar e o amor não se mede pelo tempo que dura, mas pela intensidade dos momentos vividos.
Muitos beijinhos

.*.Magia.*. disse...

Coma relação saudável que tens com o teu Cupido...tenho a certza que sim...um dia ele acerta...!

Já pensaste em oferecer-lhe uma seta com sensor no Natal????
Pode ser que...

Cheers

gi disse...

Um dia vai acertar no alvo certo, mas enquanto ele não acerta...aproveita as setas em que ele se engana, é bom estar sempre apaixonada, mesmo que não seja esse o alvo, que tu desejas...;)Bonito texto...

João Barbosa disse...

é míope, o serzinho? bolas!

Anónimo disse...

Olá minha linda!
Sei que podes achar estranho este meu comentário, mas como habitual visitante do teu blog e, essencialmente pelo carinho que tenho por ti, não poderia deixar de comentar este teu post.
A unica explicação que encontro para o insucesso do teu cupido, é que na realidade não é uma questão de má pontaria, mas sim da seta em si...
A seta que usou para ti é especial, como tal muito rara, por isso leva algum tempo a ter outra igual! Mas não te preocupes em demasia, está apenas atenta, vais ver que um dia ela acertará no "bull's eye"!
Por agora é tudo, mas em breve irei querer saber noticias tuas! e desse tal "zarolho" que tanto te preocupa!
Beijokas,
http://iursomar.blog.pt

PS: queres que meta uma cunha para o Pai Natal te oferecer um cupido que não seja tão "Luis de Camões"?