terça-feira, 11 de abril de 2006

Como se trata mal o português


O português não é uma língua fácil! Nada fácil, aliás... É uma língua de excepções, e é isso que a torna única! E escrever em português é uma tarefa árdua que exige muita labuta e inspiração!
Tomemos alguns exemplos! Muito se fala das bandas portuguesas que cantam em inglês... Eu percebo que o façam! É que, como dizem os Clã, «a língua inglesa fica sempre bem/ nunca atraiçoa ninguém»... Já escrever em português não é para todos... requer mestria, ou corre-se o risco de cair no ridículo ou no 'apimbalhado'. Daí que quando surge alguém que consiga conjugar bem as palavras da nossa língua pátria se diga logo 'É um poeta!', que é como quem diz 'É coisa rara!'
Na oralidade as coisas pioram... Fala-se mal o português! Muito mal! Quantas vezes não se ouvem os 'prontos!', os 'a gente vamos', os 'fizestes' e outros erros que tal?! Fala-se mal e ninguém quer ser alertado, porque com uma correcção ainda se corre o risco de ouvir um 'Deves de ter a mania que és esperta!'... (Deves de ter?...)
Mas é na escrita que se torna dramático este mau trato à nossa língua! Já não falo do uso dos K's ou dos X's excessivos (se bem que me deixou profundamente enervada terem baptizado de Kinas a mascote do Euro 2004, uma vez que o K nem é uma letra do nosso alfabeto! Mas pronto (não prontos!)! O que não falta aí nessas estradas são erros ortográficos que envergonham quem preza a singularidade da nossa língua! Eu ando a coleccioná-los por isso, quem encontrar pérolas desse género, pode enviar-me para aqui
. Deixo um dos melhores exemplos: «Aluga-se apartamento 4 assualhadas, todo iquipado com electricodomesticos próssimo da retunda!»
Até dá vontade de rir! E o mais engraçado é que eu sou licenciada em Estudos Portugueses e... não tenho emprego!


Imagem enviado por e-mail sem referência ao autor

3 comentários:

Guiga disse...

g(risos)... Ai rapariga com este post partiste-me toda (prontos!). De facto o português não é nada fácil, mas a meu ver é a língua mais bonita. Tenho visto muitas asneiradas por ai e muitas vezes não sei se hei-de rir se ficar triste com tanta bacurada junta. (baha)

- Kinas (dá mais estilo)

Bjoo**

claudia bettencourt disse...

Tens toda a razão! Eu também vejo muitas peesoas a falar incorrectamente, não é que saiba muito, mas alguns são muito graves, mas se vou corrigir, ficam ofendidas.Eu gosto que me digam,"não é assim, é...", pois aprendo e para a proxima já sei.
Beijinhos

Anónimo disse...

É isso e toda uma geração que agora escreve em código.
beixinhuxx e props po ppl.
LOL